Foram quatro anos para produzir o CD, que faz uma costura empolgante entre sons e regiões. Do Pará traz o carimbó e o Lundu, ritmos presentes nas gingadas Coisinha, Eu Quero Esse Moreno Pra Mim, e Meus Ventos; das Antilhas e Guiana Francesa vem o zouk love, tocado em Veneno de Cobra; o Amapá é representado pelo batuque, em Mão de Couro, e marabaixo, no Mal de Amor. O disco traz ainda o ritmo jazz e baladas. São doze faixas produzidas com estilo e o acompanhamento de músicos de renome. O renomado João Ferreira foi o responsável pela produção e arranjo do disco.

Emília Monteiro tem o apreço de artistas que contribuíram na idealização e produção do CD. Zeca Beleiro cedeu a música Coisinha; a vencedora do The Voice Brasil, Ellen Oléria, disponibilizou Córrego Rico, e Joãozinho e Val Milhomem, Mal de Amor e Mão de Couro. As participações no disco também são luxuosas, como dos paraenses Dona Onete e do mestre da guitarrada, Aldo Sena, do percussionista amapaense Nena Silva, e do músico e produtor Rodrigo Campello.

Confira o clipe da música “Veneno de Cobra”: